Make your own free website on Tripod.com

 

 

 

Sou aquela que passa e ninguém vê...
Sou a que chamam triste sem o ser...
Sou a que chora sem saber por quê...

Sou talvez a visão que Alguém sonhou,
Alguém que veio ao mundo pra me ver,
E que nunca na vida me encontrou!

Florbela Espanca

 

 Poetas amigos

Abandono Feitiço
Amor de muito Felicidade
A Espera do amor Meu amor
Atenção Mulher
A vista Mãe
A volta Nostalgia
Adeus Oração de pagão
Alegria do amanhecer Perfume
Alquimia Pele Branca
A esperança e a ilusão Que pena...
Cinderela Tristeza
Ciúmes Te amei loucamente
Chora coração Sonho
Desejo Sonho desfeito  
Desejar Só para só íntimos
Espelho Sonhos de amor
Esta noite Sou assim
Faz de conta Você é o momento
F(r)esta Vale da esperança
Futuro Você não veio

Poetas consagrados 

        Amor  Porque mentiras 
        As quadras dele Poemas dos olhos da amada
        Aqui te amo Se eu morresse amanhã
        Escreva-me Soneto do amor total
        Eu... Teus olhos
        Folhas de rosa Tortura
        Inconstância Tomara
        Já és minha Versos que te fiz
        Mais que perfeito Verdades Cruéis
        Nostalgia

  Mais poemas

 
Assine o livro de visitas



Atualizado em abril/2005
Ao repassar, mantenha os créditos
Lei Nº 9.610 de 19/02/1998 dos direitos autorais
http://sonhosdalua.tripod.com.br
criada em 01/07/2003