Make your own free website on Tripod.com

 

Os Inúteis

 Jean passeava com seu avô por uma praça de Paris. 

Em determinada altura, viu um sapateiro sendo destratado por um cliente, cujo calçado apresentava um defeito. 

O sapateiro escutou calmamente a reclamação pediu desculpas e prometeu refazer o erro.

 Pararam para tomar um café num bistrô. Na mesa ao lado, o garçom pediu a um homem que movesse um pouco a cadeira para abrir espaço. O homem irrompeu numa torrente de reclamações e negou-se.

 - Nunca esqueça o que viu - disse o avô para Jean.

 - O sapateiro aceitou uma reclamação, enquanto este homem ao nosso lado não quis mover-se.

 Os homens úteis, que fazem algo útil, não se incomodam de serem tratados como inúteis.

 Mas os inúteis sempre se julgam importantes e  escondem toda a sua incompetência atrás da autoridade.

 Paulo Coelho