Make your own free website on Tripod.com

 

 

A rosa e o sapo

Era uma vez uma rosa muito bonita, que se sentia envaidecida em saber que era a rosa mais linda do Jardim.
Mas começou a perceber que as pessoas só a observavam de longe.Acabou se dando conta de que, ao seu lado sempre havia um sapo grande, e esta era a razão no qual ninguém se aproximava dela.
 
Indignada com a descoberta ordenou que o sapo saísse de perto dela imediatamente.
O sapo, muito humildemente, disse:
-Esta certa, se é assim que você quer...
 
Algum tempo depois, o sapo passou próximo de onde estava a rosa, e se surpreendeu ao vê-la murcha e sem pétalas.
Penalizado, disse a ela:
 
-Que coisa horrível, o que aconteceu com você?
-É que desde que você foi embora, as formigas se aproximaram e me comeram dia à dia, e agora nunca mais vou voltar a ser o que era.
 
O sapo respondeu:
- Quando eu estava por aqui, eu comia todas as formigas que se aproximavam de ti, por isso eras a rosa mais bonita do Jardim.
 
Muitas vezes não valorizamos os outros, por acharmos que somos superiores, mais 'bonitos', de mais valor, e achamos que os outros não nos servem para nada.
 
Deus não fez ninguém para 'sobrar' neste mundo.Todos têm que aprender uns com os outros.Nunca devemos desvalorizar alguém. Pode ser que uma dessas pessoas que não damos valor, nos faça um bem que nem nós mesmos percebemos.
 
Que Deus nos abençoe e ajude a enxergar a beleza dos outros.
 
Mensagem recebida por
Magiane Argenton,desconheço o autor